Há dias


em que as palavras não saem.
Em que o grito sai mudo.
E em que o choro é sem lágrimas.
E o lápis nada escreve.
E o riso teima em surgir.
São dias ... apenas!
Depois, saio para a rua, olho para cima e sorrio.
Quem pode resistir a um lindo céu azul pintalgado de nuvens fofas como algodão?
São dias!
Amanhã, é um outro dia!

Estive assim essa semana... Já passou.
são dias!
Mas Graças a Deus, hoje é outro dia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aquieta minha alma ...

Faço dele as minhas palavras...

Que a Tua vontade Aba, seja maior q a nossa!!